X
Como organizar um casamento, 30 dicas para todos os bolsos!

Não importa qual seja o tamanho da cerimônia, como organizar um casamento não é nada fácil! São meses de dedicação para um evento que dura pouco mais de um dia, mas cujo esforço vale muito a pena. O sentimento de dever cumprido ao perceber que este dia tão especial será marcado na lembrança de todos os presentes é inexplicável.

Pensando nas dificuldades enfrentadas pelos noivos para realização do melhor evento possível, trouxemos este super-conteúdo com 30 passos fundamentais de como organizar o seu casamento. Incluímos dicas que abrangem todos os tipos de orçamentos e valores (veja o infográfico no final deste artigo) e detalhes que muitas vezes passam despercebidos. Confira!

Como organizar um casamento

Planejar os gastos do casamento

Todos desejam saber como organizar um casamento para que seja um de conto de fadas, mas poucos pensam nas dificuldades logísticas e financeiras que envolvem a organização de um. O casamento é um evento como qualquer outro: envolve tempo, dedicação e claro, custos!

Hoje dispomos de várias fontes de informação que nos possibilitam organizar nosso casamento de maneira independente, entretanto, a estaca zero de um planejamento é refletir sobre nossos limites financeiros. Devemos sempre lembrar que o casamento é apenas o passo inicial de uma vida em casal e que não vale a pena entrar em um ciclo de dívidas desde este primeiro momento.

Para garantir um planejamento de qualidade, é necessário pensar em alguns pontos primordiais. Por exemplo, antes de pensar nos custos, pense nas receitas! De onde sairá o dinheiro destinado ao casamento? Serão recursos próprios? Terá apoio financeiro por parte das famílias? Farão um financiamento? A partir disso, bote no papel 3 cenários hipotéticos: um pessimista, no qual os noivos terão recursos limitados; um realistas, com base na realidade atual dos noivos; e um otimista, levando em consideração que todas as fontes de receita darão certo e que todos irão poupar de maneira disciplinada.

O segundo momento é destinado a elaboração dos orçamentos. Nessa hora, a antecedência deve ser sua maior aliada. O planejamento de como organizar um casamento deve começar assim que o noivado se concretiza. Assim, os noivos terão mais tempo para buscar fornecedores, ir a feiras e eventos especializados e garantir o melhor, pelo menor custo. Com base nessas pesquisas, basta montar uma planilha de gastos e seguir seu acompanhamento para que nada fuja do controle.

Como organizar um casamento

Escolher a data do casamento

A data da união é o passo inicial de como organizar um casamento. Para defini-la, é importante que os noivos prestem atenção em algumas questões. Primeiramente, é comum e muito especial que os noivos escolham uma data significativa para eles, como por exemplo, o início do namoro, primeiro beijo ou dia que se conheceram. Mas, ainda sim, devem ser levados em consideração outros aspectos práticos.

O sábado é o dia mais comum e requisitado para realizar a cerimônia, já que é quando os convidados têm mais disponibilidade para comparecer. Entretanto, isso também torna o sábado o dia mais caro para realizar o evento. Para quem quer realizar um casamento mais jovial, a sexta-feira a noite é uma alternativa, começando a cerimônia e a festa um pouco mais tarde. Já quem quer realizar um casamento durante a manhã, o domingo também pode ser uma opção. Os feriados são uma alternativa, porém, isso deve ser conversado com os convidados mais próximos, visto que as pessoas costumam estar menos disponíveis nestas datas.

O mês no qual o casamento se dará é tão importante quanto o dia. Os meses de Dezembro, Janeiro, Maio e Setembro costumam ser os mais populares e caros, enquanto Junho, Julho e Agosto são mais em conta. Uma boa dica para saber mais ou menos em que época do ano você pretende casar é pensar no destino de lua de mel. Se você planeja passar a lua de mel no inverno do hemisfério norte ou no verão do hemisfério sul, procure casar no final do ano, mas se você quer aproveitar o verão do hemisfério norte ou o inverno do hemisfério sul, o final do primeiro semestre e início do segundo semestre é ideal.

Atente-se também a saúde financeira de seus convidados! Optar por um casamento no início do mês, quando as pessoas costumam receber seus salários, é muito vantajoso pois fica melhor para investir em deslocamento, roupa, cabelo, maquiagem... Por fim, cuide com grandes eventos e feriados, além de shows de artistas de renome, campeonatos mundiais e eleições.

Como organizar um casamento

Haverá casamento na Igreja?

No imaginário dos noivos, esta provavelmente será uma das primeiras questões a serem discutidas. Muitas famílias possuem tradições relacionadas ao casamento, que envolvem ritos religiosos. Já outros não se importam muito com o sacramento e optam apenas pela união civil, a fim de garantir os benefícios jurídicos do ato. Esta decisão caberá única e exclusivamente aos noivos.

Imediatamente à decisão do casal, e assim que a data do casamento for estipulada, deverá ser efetuada a reserva do templo ecumênico no qual a cerimônia religiosa se dará. Essa também é uma ação que deve ser feita com o maior tempo de antecedência possível. Especialmente as igrejas possuem horários cheios durante a maior parte do ano.

Como organizar um casamento

Elaborar a lista de convidados

Definir quem poderá ou não presenciar um momento tão especial quanto o seu casamento é uma atividade polêmica e esse item é prioridade em como organizar um casamento. Muitas vezes sofremos a interferência da família e de amigos interesseiros para convidar mais gente do que achamos necessário. Para evitar que isso aconteça, existem algumas dicas especiais.

A fim de não se perder, faça uma relação de todos os nomes que você pretende convidar divididos em grupos: família nuclear (pai, mãe, irmãos), o restante da família, amigos do noivo e amigos da noiva, amigos em comum e colegas de trabalho. Depois, deixe uma margem para pessoas que podem vir a se tornarem figuras importantes em sua vida ao longo da organização do casamento, como por exemplo, um novo chefe e colegas de trabalho. Para uma filtragem final, faça perguntas chaves como “Com que frequência vejo essa pessoa?”, “Trocamos mensagens regularmente?”, “Frequento a casa dela? Ela frequenta a minha?”.

Só após a lista estar bem resolvida entre os noivos, estabeleça um diálogo franco com os pais e parentes de ambos. Caso eles disponham algum auxílio financeiro para a festa, é bom atender algumas demandas por educação. Mas caso algum pedido seja demais para os noivos, vocês estarão bem conversados e alinhados para dar uma resposta assertiva.

Como organizar um casamento

Escolher o local

Uma vez que o orçamento, a data, a igreja e a lista de convidados forem definidos, é possível escolher o local! Vale ressaltar que todos estes passos devem ser seguidos de maneira organizada, pois cada um deles influencia o outro. Caso você não tenha uma data estipulada para o casamento, não saberá a disponibilidade do espaço onde deseja realizá-lo. Se você não tem uma lista de convidados pelo menos pré-definida, não saberá a lotação total necessária para que o evento seja confortável.

Neste momento os interesses dos noivos também falarão mais alto. O desejo por uma cerimônia ao ar livre em uma fazenda ou na praia, um salão paroquial próximo a igreja no qual ocorreu o ato religioso, um pequeno, porém charmoso, salão de hotel ou club. Para estas questões, não há receitinha de bolo, mas ainda assim, existem algumas dicas que podem ser úteis.

Na hora de definir o local, leve em consideração, além do número de convidados, da disponibilidade do local no dia planejado e do horário da cerimônia, se o mesmo já oferece o buffet ou se este deverá se contratado a parte; se o acesso é facilitado e se há estacionamento; no caso de cerimônias ao ar livre, se o local oferece uma segunda opção para o caso de chuva ou outro tipo de imprevisto climático; se o local é seguro e possui saída de emergência, brigada de incêndio, gerador e até mesmo se a documentação está correta.

Como organizar um casamento

Definir o buffet do casamento

Uma vez que é de conhecimento de ambos se o local onde será realizada a festa possui ou não um buffet, ou se possui mas permite algum buffet externo, começarão as conversas em relação a alimentação. No primeiro caso, a possibilidade de barganha será menor, visto que os noivos terão que aceitar o monopólio do buffet da casa. Já na segunda hipótese, a busca por bons fornecedores será essencial.

Ainda que os noivos fiquem limitados ao buffet do local do evento, sempre haverá a possibilidade de negociar o cardápio. Dependendo da quantidade de pessoas que estarão presentes no dia, você poderá fazer uma solicitação de desconto no buffet. Escolher alternativas de pratos menos elaborados também barateia a alimentação.

Como organizar um casamento

Contratar fotógrafo e vídeo

Faltando cerca de 10 meses para o casamento, e assim que os principais pontos do mesmo estiverem bem definidos, começa a busca pelo entretenimento e recordação do mesmo. A presença de um fotógrafo profissional nos casamentos de hoje já é função obrigatória para garantir o registro mais fidedigno de um dos dias mais importantes da vida dos noivos. Além do fotógrafo, a equipe de vídeo também poderá ser responsável por transformar esse dia em um filme que se repetirá para sempre em suas memórias.

O foco destes dois, ou mais, profissionais ao longo da cerimônia e festa deve ser os noivos. As fotos e vídeos tem a função de transmitir os sentimentos e emoções que transbordam cada pessoa nesse dia. Porém, os convidados não podem ser deixados de lado. Todos estão ali para registrarem suas presenças, já que não é todo dia que podemos nos arrumar tão bem para uma boa festa! Nesse contexto, os totem fotográficos ou cabine de fotos são uma ótima alternativa.

Nos dias atuais, com a evolução da tecnologia, todos ficam 24 horas ao lado de seu smartphone. Num evento tão especial quanto um casamento, os convidados não abrirão mão de usar os seus smartphones para tirar muitas fotos! Mas esse tipo de comportamento poderá fazer com que eles não aproveitem a festa tanto quanto poderiam. Assim, os totens e cabines fotográficos são uma ótima alternativa para que os convidados não se preocupem em guardar vários registros da festa, na forma de fotos, que eles mesmos possam tirar.

As fotos impressas no totem também são uma ótima opção de brinde de casamento. Além de serem um belo registro das melhores memórias desse dia especial, não há um limite de fotos por usuário, o que os permite tirar uma grande variedade de retratos, da maneira que acharem mais divertida. Para agregar ainda mais valor a essa lembrança, os noivos podem oferecer como complementares ao brinde um porta retrato personalizado ou um pequeno álbum fotográfico para que os convidados guardem de maneira adequada.

As cabines de fotos do Café Printer oferecem serviços diferenciados, tais como molduras interativas e possibilidade de compartilhamento instantâneo nas redes sociais. Para conhecer mais sobre os serviços prestados pela empresa na região do Espírito Santo e Rio de Janeiro, clique aqui

Como organizar um casamento

Contratar DJ ou Banda para a festa

Escolher entre uma banda ou um DJ para a festa é um item difícil para quem pretende organizar um casamento, pois as chances de acabar com uma opção que não será tão agradável para os convidados é grande. Na hora de escolher, avalie o perfil do público que estará presente e os gostos musicais dos noivos e dos seus amigos.

As vantagens de se ter uma banda na festa é a interação que eles tem com o público, animando-os a todo momento. A variedade musical das bandas também costuma ser grande, atingindo públicos de todas as idades. O ideal é que, antes de escolher a banda que tocará no seu casamento, você assista a uma apresentação da mesma para garantir que é a melhor opção. Quanto aos custos, normalmente a banda tem todos os equipamentos de som e luz necessários, porém, deve se verificar se o salão onde ocorrerá a festa tem o espaço disponível para instalação.

A opção de contratar um DJ normalmente é mais econômica, já que a logística é facilitada. Mas para garantir que não haja surpresas na escolha das músicas, recomenda-se que os noivos passem com precisão as referências para cada momento. Neste caso, é indicado até mesmo que os noivos passem uma tarde conversando e escolhendo com o DJ as melhores opções.

Como organizar um casamento

Definir decoração

Ainda que a decoração seja uma das primeiras coisas que os noivos queiram definir, é importante que haja o amadurecimento das ideias antes de serem colocadas no papel. Por isso, recomenda-se que a decoração seja efetivamente definida cerca de 9 mês antes da festa. Este tempo é razoável pois permite a busca por bons fornecedores, mas ainda há a maturação da escolha das cores e temas principais.

Uma dica valiosa para quem quer economizar dinheiro nessa etapa é aproveitar o máximo que o local do evento pode oferecer de decoração, valorizando espaços abertos, cortinas, lustres e outros detalhes do mobiliário. Com base nisso, a decoração poderá ser incrementada com toques rústicos, em estilo vintage ou até mesmo romântico, de acordo com a personalidade e o desejo dos noivos.

No que diz respeito às flores, principal ornamentação em decoração de casamento, sugere-se escolher as mais adequadas à estação do ano em que ocorrerá a festa. Assim, você terá mais chance de conseguir as flores em grande quantidade e em preços razoáveis. Se a sua festa vai acontecer na primavera, cuide com flores muito perfumadas, que podem murchar com mais rapidez, investindo principalmente nas clássicas rosas, camélias, lírios e orquídeas. No verão, o cravo e a hortência também são boas pedidas. O outono combina com flores rústicas como angélicas, alstroemérias e boca-de-leão. E para o inverno, aproveite as flores de cerejeira e tulipas, que costuma estar em alta na temporada.

Como organizar um casamento

Escolha do Vestido e Acessórios

A noiva será o grande centro das atenções no dia do casamento, por isso, seu traje deve ser visto com um bom tempo de antecedência. A escolha do modelo ideal dependerá dos recursos disponíveis para o vestido. Neste caso, sempre tem a opção de alugar, comprar ou mandar fazer. Se a noiva optar por mandar fazer, a antecedência, realmente, é importantíssima. Como existem milhares de modelos de vestidos de casamento, separamos 3 pontos primordiais para fazer a escolha do ideal: corte, tecido e detalhes.

Os cortes e estilos disponíveis para vestidos de noivas são os mais variados possíveis. A escolha dele deve ser feita de modo a valorizar o corpo da noiva, além de ser confortável para curtir durante toda noite. Os modelos mais conhecidos são o reto, império, princesa, evasê e sereia. Também deve-se levar em consideração os detalhes das mangas e ombros, como por exemplo, tomara que caia, ombro a ombro ou manga longa.

Os tecidos clássicos para vestidos de noiva são cetim, chiffon, crepe, organza, tule e renda. Mais uma vez, a escolha do tecido dependerá de como a noiva pretende valorizar seu corpo usando o mesmo. Se você quer apostar no modelo princesa, saias de chiffon, tule e organza são ótimas pedidas. Já os modelos mais minimalistas pedem um crepe ou cetim. A renda combina com vestidos sereia, tomara que caia e ombro a ombro, ou em mangas longas.

Por fim, os detalhes para a preocupação de como organizar um casamento são o que tornarão seu vestido especial. Hoje em dia, está em alta a aplicação de flores e 3D, em especial combinado com tecidos de renda ou tule com aplicação de brilhos, dando um efeito bem glamuroso. Noivas mais modernas que queiram sair da mesmice do vestido branco podem apostar em degradês com outras cores leves, como azul claro, amarelo claro ou rosa bebê. As mais ousadas também pode optar por fendas e aberturas nas costas ou capas acopladas aos ombros.

Como organizar um casamento

Lista de presentes e lua de mel

Com a facilidade que a internet proporciona, muitos noivos preferem criar suas listas de presentes de casamento online. Hoje, as grandes lojas de varejo como Ponto Frio, Lojas Americanas, Tok & Stok, Havan, entre outras, possuem essa função em seus sites, o que torna muito mais prático para os convidados.

Entretanto, nem sempre as alternativas mais baratas estão todas em uma só loja. Pensando nisso, outra alternativa online que pode ser utilizada é o acesso de sites especializados no qual você define cotas de valores para pagamento de eletrodomésticos, lua de mel e até mesmo parte da festa. Nestes sites, você cria um item, por exemplo “Micro-ondas”, com o seu respectivo valor. Se algum convidado lhe presentear com aquele item, você receberá o valor em dinheiro, descontado uma taxa de 6%, e poderá comprar em qualquer loja. Você também tem a opção de dividir o valor em mais cotas. Por exemplo, se você coloca o item “Geladeira” por R$ 2.000,00 é possível dividir em 5 cotas de R$ 400,00.

Como organizar um casamento

Fazer o site do casamento

Uma vez que você possui sua lista de casamento pronta, é hora de criar um site para dispô-lo online, junto de alguns dados gerais do evento, como local, data e hora e uma contagem regressiva para o dia especial. Hoje existem diversas alternativas de sites gratuitos, como redes sociais, que descontam apenas a taxa da cota de depósito. Os mais famosos são o Wedy, Zankyou, Casar. Cada um possui sua particularidade, mas todos são muito fáceis de usar e customizar.

Os sites de casamento, além de serem uma ótima alternativa para dispor a lista de casamento, como comentamos no ponto anterior, são uma forma de estreitar os laços dos noivos e dos convidados. Lá você pode compartilhar sua história de amor, homenagem às famílias, mensagens aos padrinhos, ensaios de fotos pré-wedding, dicas sobre o que vestir, sugestões de hotéis, sugestões de salões de beleza e um mural de recados.

Como organizar um casamento

Convite do casamento

Ainda que a tecnologia seja uma grande aliada para tornar o evento mais próximo dos convidados, o convite físico é uma formalização muito importante e não deve ser dispensado. Cerca de 7 meses antes do evento, os noivos devem definir o convite e o fornecedor para realizar a encomenda. O envio é posterior, aproximadamente 2 a 3 meses antes do evento.

O modelo, o texto, o tipo de papel, de tipografia...esses são os primeiros passos para elaboração do convite.  Se você e seu companheiro ou companheira são mais tradicionais, invista no modelo clássico, estilo carta. Nesse tipo, é comum utilizar um linguajar mais formal, com menção aos pais dos noivos, indispensável e link de acesso à lista de presentes. Convites mais modernos permitem uma escrita mais descontraída, sem menção especial aos pais, ou muitas formalidades. O importante é passar a mensagem e os dados mais importantes: nome dos noivos, data, hora e local da cerimônia e da festa, data para confirmar presença.

Um detalhe que costuma gerar dúvidas é se o convite precisa, necessariamente, combinar com a decoração da festa. Não é regra, visto que muitas vezes haverá alterações na decoração e o convite acaba não sendo uma impressão exata do tema esperado. Porém, como este é o primeiro contato dos convidados com o casamento, é interessante que seja algo que remeta ao tema escolhido.

Quanto às quantidades, é importante fazer uma média da quantidade de pessoas que vocês convidarão e da capacidade permitida no local onde será feito o casamento. Leve em consideração a possibilidade de alguns convidados não irem, mas também não subestime. Também deve ser pensada a quantidade de famílias e casais que se farão presentes, visto que pode ser enviado 1 só convite para uma família de 4 pessoas, por exemplo. A fórmula ideal de calcular o número de convites é dividir o número de convidados por famílias. Para garantir, também recomenda-se encomendar 20% a mais de convites e pelo menos 15 envelopes extra.

Como organizar um casamento

Oficializar o convite aos padrinhos, damas e pajens

Os amigos mais próximos sabem da sua importância na vida dos noivos, mas mesmo assim, o convite para ser padrinho é um momento que merece toda dedicação. Já tornou-se tradição fazer um convite envolvendo algum tipo de surpresa para anunciar a escolha dos padrinhos e madrinhas de casamento, e de fato, como eles serão responsáveis pelo apoio aos noivos, merecem algo único e diferenciado.

As ideias são diversas: quebra-cabeça com a mensagem do pedido, caixa de bombons, copos e canecas, álbum de figurinhas, kit com bebidas, kit com peça de roupa para ser usada no casamento (gravata, meia, maquiagem, acessório), mensagem surpresa na garrafa, caixa com mensagem surpresa, vídeo...  Enfim! A escolha caberá ao perfil e personalidade dos noivos e seus amigos mais próximos.

Como organizar um casamento

Enviar o “Save the Date”

Como os convites de casamento costumam ser enviados cerca de 2 a 3 meses antes da cerimônia, o Save the Date é uma alternativa interessante para que os convidados fiquem sabendo da data do casamento e reservem em seu calendário, evitando que marquem outros compromissos no dia. Este pequeno lembrete pode ser enviado de maneira física ou online e com cerca de 6 meses de antecedência.

Se você pretende enviar um Save the Date físico para seus convidados, invista em algum tipo de lembrancinha mais elaborada, como por exemplo uma barra de chocolate com a data, ou uma garrafinha com uma mensagem dentro. Já se a ideia é reduzir custos, o Save the Date pode ser anunciado nas redes sociais e site do casamento. Outra ideia para divulgar online é através de um ensaio fotográfico ou vídeo profissional.

Como organizar um casamento

Encomendar o bolo, topo do bolo, docinhos e bem casados

O bolo de casamento é tanto um complemento ao buffet quanto a decoração. Ele deve estar em harmonia em sabor e aparência. Caso a festa seja mais clássica, bolos mais detalhados, na cor branca são uma boa opção. Festas rústicas pedem bolos mais clean, coloridos ou até mesmo naked cakes.

Os bolos clássicos são os típicos que vemos em filmes e casamentos de celebridades: vários andares, pasta americana e um topo de bolo com miniaturas dos noivos. O naked cake é a nova tendência do momento, remetendo aos bolos caseiros mas muito bem decorado. Ele mostra o interior do bolo, deixando de lado as coberturas e cores, mas conta com belas flores e frutas como decoração. O bolo aquarela, ou tela, tem chamado atenção dos noivos mais modernos, pois mistura cores suaves, através de uma tinta comestível diluída em água. E por fim, o bolo ruffle também tem sido um dos mais pedidos por conta de sua aparência. Ele é composto por camadas e babados que dão um ar de elegância.

Uma boa opção para reduzir custos é investir no bolo falso. Este conta com uma parte comestível e outros andares de mentira, feitos com E.V.A. e outros materiais decorativos. A parte comestível é reduzida e destina-se apenas para os noivos e familiares, enquanto os demais convidados recebem outros tipos de bolos, brownies, muffins, cupcakes, macarons, sorvetes entre outros.

Dificilmente o sabor irá agradar a todos os convidados, mas é necessário fazer um esforço, optando por recheios universais, de modo que a grande maioria se sinta satisfeita. Estes são o doce de leite, damasco, ganache branco, nozes e chocolate. Na hora da degustação, os noivos devem estar atentos ao sabor e quantidade do recheio e umidade da massa. Também deve se levar em consideração possíveis alergias e intolerâncias por parte de familiares e amigos próximos, anunciando os ingredientes na hora de servir.

A quantidade ideal é calculada a partir de 60% dos convidados, visto que nem todos comerão. Se o bolo não está incluído no buffet contratado, é muito importante se atentar aos detalhes do transporte e entrega do item. Verifique se o fornecedor pode fazer esse serviço ou se deverá ser contratado a parte. Alie com o buffet estas questões, pois os mesmos devem ter experiência com isso.

Como organizar um casamento

Tratamentos estéticos

Especialmente a noiva e as mães dos noivos buscam por certos tratamentos estéticos antes do dia especial, para que estejam em seu momento mais radiante. Entretanto, é preciso tomar cuidado com a antecedência com que estes tratamentos sejam feitos, de modo a evitar surpresas desagradáveis.

Tratamentos mais invasivos como botox, preenchimento com ácido hialurônico, pelling químico, microagulhamento e terapias à laser devem ser feitas com, no mínimo, 6 meses de antecedência. No mínimo o mesmo tempo é necessário para que exercícios de emagrecimento/tonificação façam efeito. Cortes, tinturas e químicas no cabelo podem ser feitas com até 3 meses de antecedência, pois são mais fáceis de serem revertidas. Também é o momento para consultar o seu dentista para um possível clareamento e limpeza.

Como organizar um casamento

Definir aluguel do automóvel

As noivas mais tradicionais não abrem mão de uma entrada triunfal. E para que ela se efetue, a escolha do automóvel será incluída como uma etapa de como organizar um casamento. Se o casamento tiver um tema específico ou uma pegada vintage, essa decisão será muito importante, entretanto, se o orçamento estiver apertado ou este momento não for tão relevante para você, é um passo opcional.

Como comentamos anteriormente, a temática do casamento será uma variável a ser analisada na hora de escolher o melhor automóvel para levar a noiva. Casamentos rústicos ou vintages combinam com modelos de carros mais antigos. Além de lindos, eles são práticos, pois a maioria possui portas que abrem ao contrário e costumam ser bem altos, o que facilita a entrada da noiva. Em contrapartida, as limousines, apesar de grandes, possuem portas pequenas e geralmente são baixas. Casamentos mais luxuosos podem querer ousar com um carro conversível! Este, apesar de mais caro, acaba oferecendo um resultado maravilhoso nas fotos do casamento.

Como organizar um casamento

Hotel para noite de núpcias

A noite de núpcias do casal é um momento tão aguardado mas que acaba sendo despriorizado na hora de organizar o casamento. A reserva do hotel é imprescindível, e precisa constar no seu checklist! Se você não sabe ainda qual escolher, nós oferecemos 3 dicas.

Primeiramente, o hotel deve ser em um local perto da festa. Evite ter que rodar vários quilômetros depois de tanto cansaço. Segundo, o hotel precisa ter personalidade e estar de acordo com as preferências dos noivos. Opte por um ambiente super romântico, que os faça sentir estar vivendo um conto de fadas. Detalhes como velas perfumadas, guloseimas ou uma playlist especial fará toda a diferença. Se o hotel oferece estes serviços especiais, será uma boa pedida. E por fim, normalmente os check-outs de diárias normais são feitos entre 12h e 14h. Verifique se o hotel possui a opção de late check-out para que os noivos possam retornar depois das 16h sem que seja cobrada uma taxa extra.

Como organizar um casamento

Entregar os convites

Antigamente, os convites costumavam ser todos entregues em mãos. Hoje, com a correria dos dias atuais, a entrega em mãos passa a ser mais complicada, restringindo-se a familiares, amigos próximos e, é claro, madrinhas e padrinhos. Uma das alternativas mais utilizadas para envio dos convites de casamento é através dos correios ou serviços de courier. Nessa situação, é simpático colocar um bilhete dentro do envelope falando que gostaria de entregar pessoalmente, mas a distância ou o tempo não permitiriam.

Enviar os convites por e-mail não é muito elegante. Mesmo que a troca de e-mails e mensagens por celular seja uma prática comum nos dias de hoje, a entrega do convite de casamento é um momento especial para os noivos e convidados. Enviá-lo por e-mail pode aparentar descaso, banalizando a ocasião.

A melhor opção para reunir as pessoas e entregar o convite do casamento é realizando um chá de panela, ou reunião de amigos e familiares, com até 30 dias de antecedência. Assim, você criará uma oportunidade muito divertida e marcante para encontrar suas pessoas queridas com um gostinho do casamento. Porém, o ideal é que os convites sejam enviados com até 2 meses de antecedência, dando prioridade aos convidados que moram mais distante.

Como organizar um casamento

Definir o local para o Dia da Noiva e para o Dia do Noivo

O dia do casamento será cheio de ansiedade e preocupações, isso é inevitável. Porém, há formas de amenizar esses sentimentos, rodeando-se com os amigos e familiares numa experiência relaxante e divertida. Pensando nisso, os salões de beleza e barbearias oferecem pacotes de Dia da Noiva e Dia do Noivo, no qual estão incluídos os serviços de beleza necessários para o dia, além de mimos especiais.

O primeiro passo para definir o local do Dia da Noiva e do Dia do Noivo é buscar por salões e barbearias com boas referências e que, de preferência, sejam próximos ao local da festa. Nem sempre é fácil unir o útil ao agradável mas, sempre que possível, devemos buscar por boas soluções logísticas.

Segundo, conheça os pacotes disponibilizados pelos salões que você selecionar no primeiro filtro. Fique atento ao seu orçamento, mas desconfie de preços muito baixos e serviços um tanto obscuros, sem muitos detalhes sobre procedimentos. O pacote feminino deve conter preparação do cabelo e penteado, maquiagem completa, manicure e pedicure. Alternativas opcionais são depilação, clareamento, costureira, roupão para a noiva e para as madrinhas, bebidas e comidas. Já no pacote masculino, é interessante que esteja incluso o corte do cabelo, barboterapia, limpeza da sobrancelha e penteado. Serviços opcionais são hidratação, tintura, manicure e pedicure, limpeza de pele, bebidas e comidas. Avalie as propostas até chegar em uma opção que caiba no bolso e atenda todas as necessidades do seu sonho.

Assim que a escolha do local for feita, efetive a reserva do horário. Você pode também já reservar o horário para as madrinhas e mães dos noivos. Saber da disponibilidade do local para a data é um passo muito importante e que deve ser feito com no mínimo 3 meses de antecedência, pois certos salões costumam ser muito disputados em alguns finais de semana.

Como organizar um casamento

Fazer a degustação do cardápio que será servido

Lembra daquele buffet que você reservou lá no início de como organizar um casamento? Pode ser que ele não esteja mais tão adequado ao que você espera para o evento. Cerca de 2 meses antes do grande dia, realize uma nova avaliação dos pratos do buffet e, se possível, uma degustação do cardápio que será servido. Neste momento também será mais fácil de saber se algum convidado é alérgico ou intolerante a algum ingrediente e se é necessário um buffet paralelo para estas pessoas.

Como organizar um casamento

Traje do noivo

Como o traje do noivo é menos trabalhoso, pois segue um padrão já pré estabelecido, ele poderá ser escolhido aproximadamente de dois a três meses antes do evento. Assim como o vestido da noiva, o traje pode ser comprado, alugado ou feito com um alfaiate, dependendo dos recursos disponíveis para esse gasto. Vale lembrar também que o terno do noivo pode ser reutilizado, visto que homens costumam usar o traje com mais frequência, enquanto que o vestido de noiva dificilmente será reutilizado pela mesma pessoa.

Os modelos de traje mais utilizados são smoking ou black-tie, fraque, meio-fraque e terno. Ainda que pareçam tudo a mesma coisa, os trajes possuem cortes e configurações de peças diferentes. O smoking e o black-tie são compostos por paletó com lapela de cetim e calça na mesma cor, camisa branca, cinta de cetim na cintura e gravata borboleta. A diferença é que o primeiro possui paletó e calça pretos e o segundo brancos. O fraque é composto por um paletó de corte assimétrico, mais comprido atrás, que só possui um botão. É o famoso traje “pinguim”. Normalmente apresenta-se em tom cinza risca-de-giz, colete cinza e calça branca. O semi-fraque é similar ao fraque, mas possui corte simétrico, estilo “jaquetão”. Por fim, o terno é a alternativa mais tradicional, composta por paletó e calça social de corte ajustado às medidas do noivo. O colete é considerado opcional, assim como a gravata

Para fugir do padrão, o noivo pode apostar em cores diferenciadas, com tons claros, especialmente se o casamento for em um ambiente aberto, ou tons versões escuras de azul, vermelho e marrom. Os lenços e abotoaduras também são acessórios que podem dar um ar mais descontraído ao look. E não esqueça de escolher um sapato que esteja à altura do traje!

Como organizar um casamento

Comprar as alianças

As alianças não são simples anéis de compromisso. Elas representam a infinidade do relacionamento e o laço da união de um casal. Devem ser usadas diariamente como um lembrete do amor de ambos. Por isso, sua escolha deve ser muito bem pensada. A aliança deve ser confortável, mas ao mesmo tempo carregar o significado e a personalidade do relacionamento de ambos. Para escolher o melhor modelo, apresentamos algumas dicas.

Existem 3 medidas essenciais que devem ser levadas em conta na hora da escolha da aliança: o diâmetro, a espessura e a largura . O diâmetro nada mais é do que a “grossura” do dedo dos noivos. Sugere-se que ambos vão à joalheria para encontrar o tamanho ideal de anel, com o acompanhamento de um especialista. A espessura muitas vezes é deixada de lado, mas na verdade é um ponto essencial no que diz respeito ao conforto. As joalherias, de modo em geral, não recomendam alianças com menos de 1mm de espessura, apesar de serem mais econômicas. De mesmo modo, orientam para que os noivos não escolham opções com mais de 2mm de espessura. O ideal é que esta possua espessura de 1.2mm a 1.7mm. Por fim, a escolha da largura vai variar com o modelo preferido dos noivos. A aliança pode ser discreta (2mm a 4,5mm), intermediária (5mm a 6.5mm) ou larga (7mm a 9mm). Ela também pode ser de exterior arredondado ou reto. O que deve ser observado é se terá um formato anatômico, levemente arredondado no interior da jóia, a fim de diminuir a superfície de contato com o dedo.

Os detalhes finais a respeito da cor e decoração da aliança não podem ser esquecidos. A opção mais comum entre os noivos são os anéis em ouro amarelo, mas também é possível escolher uma joia em ouro branco ou até mesmo rosé. A superfície pode ser polida ou fosca e a quantidade de pedras, seja diamante ou brilhante, está sujeita ao orçamento dos noivos. Também existe a possibilidade de gravar os nomes e ou datas dos noivos em cada anel.

Como organizar um casamento

Marcar o casamento civil

Além de afirmar ao público o status de relacionamento do casal, o casamento sela um contrato entre duas pessoas físicas perante o Estado. A cerimônia no civil é muito importante para que ambos os noivos tenham os direitos e deveres de um casal quanto a fins jurídicos. Em muitos casos, afeta a distribuição dos bens da família e pode até alterar o sobrenome dos parceiros.

O primeiro passo para como organizar um casamento civil é definir o regime de bens da sociedade conjugal. No Brasil, existem três tipos mais praticados: comunhão parcial; na qual o casal compartilha bens adquiridos após o casamento, mas os anteriores permanece de propriedade individual; comunhão universal, onde ambos os bens atuais e futuros são propriedade do casal; e separação total, quando todos os bens adquiridos antes ou depois são de propriedade individual. Para essa etapa, recomenda-se o auxílio de um advogado.

No segundo momento, os noivos devem procurar um cartório e separar os documentos. Hoje em dia é muito fácil encontrar o cartório mais próximo através de uma busca online e, até mesmo, alguns estabelecimentos oferecem a possibilidade de marcar horário a distância, por telefone ou virtualmente. O ideal é que este processo comece cerca de três meses antes da cerimônia, para garantir que a licença saia a tempo da festa. Os documentos normalmente pedidos são RG, certidão de nascimento dos noivos solteiros e comprovante de residência. Se algum dos noivos já foi casado, será preciso apresentar também a certidão de casamento com respectiva averbação do divórcio. Se viúvos, é necessário levar a certidão de casamento anterior e o documento de óbito do cônjugue falecido. Também serão necessárias de duas a quatro testemunhas alfabetizadas, caso a cerimônia seja realizada no cartório ou não, respectivamente, com RG ou CNH original em mãos.

Como afirmamos anteriormente, o casamento no civil não precisa necessariamente ser realizado no cartório. Entretanto, o que mudará é a taxa paga pelos noivos: enquanto no cartório os custos giram em torno de R$ 400,00 a cerimônia realizada em diligência, ou seja, fora do cartório, custa cerca de R$ 1.300,00.

Como organizar um casamento

Fazer o chá de panela

Um dos momentos mais esperados e divertidos da organização do casamento é o chá de panela do casal! É hora de juntar todos os amigos mais próximos para comemorar o tão esperado casamento. Neste tipo de evento, costumam-se realizar brincadeiras e tradições divertidas para preparar os noivos para a vida em casal. Algumas das mais engraçadas são adivinhação de presentes, onde a pista é uma história vivida com os convidados e “castiguinhos” aos noivos.

Como organizar um casamento

Confirmar a presença dos convidados

Há um mês da cerimônia, a confirmação de todos os convidados deve ser efetivada. O convite enviado um mês ou dois meses antes deve indicar a data fim para confirmação de presença. Amigos ou família que não se manifestarem até tal data devem ser alertadas com urgência e, caso não respondam, cortados da lista de convidados. É questão de respeito e educação com os noivos a confirmação, a fim de que todo o evento, em especial o buffet, seja feito na medida certa.

Como organizar um casamento

Teste de penteado e maquiagem

É de bom tom que a noiva combine com o salão onde será realizado o Dia da Noiva um dia para teste de penteado e maquiagem. O interessante é que seja cerca de 15 dias antes da cerimônia, assim, a noiva poderá fazer os ajustes necessários sem grandes complicações. Simular o penteado e a maquiagem poupará um tempo precioso fazendo possíveis ajustes no dia do casamento.

Como organizar um casamento

Última prova dos trajes

Assim como o teste do penteado e maquiagem da noiva, ambos os noivos devem realizar uma prova prévia de seus trajes cerca de 15 dias antes do casamento. Isso porque questões como alteração das medidas por mudança de peso (muitos noivos e noivas costumam engordar ou emagrecer próximo do dia do casamento), bainhas mal feitas ou detalhes que vocês não haviam percebido antes podem agora se tornar grandes preocupações. Se no dia do casamento você contar com a presença de um familiar ou amigo que possa te ajudar com detalhes de costura, será ainda melhor!

Como organizar um casamento

Alimentar-se de forma leve e evitar exercícios físicos intensos

Por fim, na semana do casamento, os cuidados devem ser redobrados. Mesmo que a ansiedade seja grande, tente viver a rotina normalmente. Evite alimentos muito gordurosos que causem mal estar, exercícios físicos intensos que levem à algum tipo de fratura, situações desconfortáveis no trabalho e brigas com a família. Busque centrar-se em si mesmo e no amor com seu parceiro (a). Pratique yoga e meditação e realize atividades descontraídas.

Agora que o planejamento está quase no fim, busque se divertir e aproveite seu casamento ao máximo. A organização é árdua, mas a recompensa é valiosa!

Quanto custa uma festa de casamento?

Veja no infográfico abaixo todos os detalhes de como organizar um casamento e quanto custa uma festa de casamento. Você vai ter uma noção bem aproximada dos valores de cada item e qual se encaixa melhor em seu orçamento.

Custo Casamento

Compartilhe o Infográfico

 

Copie o link abaixo para compartilhar o Infográfico em seu site ou blog

Leave a Comment